Gamificação nas empresas: entenda o que é e como implementar

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

As organizações têm como foco conquistar mais clientes e obter resultados mais expressivos. Para isso, necessitam de ferramentas para engajar a equipe, o que favorece a gamificação nas empresas.

Originada do termo em inglês gamification, a gamificação consiste no uso de jogos virtuais, ou não, para envolver os colaboradores — oferecendo desafios interessantes e recompensas. Assim, torna-se um instrumento importante de educação corporativa, pois contribui para a assimilação do conhecimento.

Neste post, vamos mostrar como adotar esse recurso nas organizações, os setores em que ele pode ser aplicado e os benefícios proporcionados por essa estratégia. Confira!

Entenda como funciona a gamificação nas empresas

Não basta apenas ter vontade para usar um novo modelo de transmissão do conhecimento. Também é importante compreendê-lo para alcançar os resultados previstos.

Com a intenção de ajudá-lo, vamos destacar alguns fatores relevantes para criar oportunidades de gamificação em uma companhia. Acompanhe:

Engajamento por período

Uma forma de motivar os participantes de games online é premiá-los ao fazerem o login diariamente. À medida que o jogador vai avançado, os prêmios ficam mais interessantes. Se ele deixar de entrar no jogo uma vez por dia, prejudica todo o desempenho.

Mesmo que não tenham um valor financeiro, as bonificações tornam a capacitação mais estimulante por oferecerem algumas vantagens, como:

  • dicas para a resolução de tarefas;
  • créditos para tirar dúvidas com o gestor;
  • vídeos bônus de conteúdo.

Nível de desafio

Um dos grandes objetivos da gamificação é fazer com que os profissionais elevem o nível de conhecimento. Por isso, as capacitações com essa metodologia devem começar com tutoriais e simulações bastantes simples.

Quando o colaborador já estiver mais envolvido com esse formato de treinamento, podem ser oferecidas missões mais complexas, que demandam uma maior dedicação. O ideal é que elas sejam fracionadas em pequenos objetivos interligados.

Modalidades de premiação

As premiações são distribuídas quando um funcionário alcança uma meta. No começo da jornada gamificada, há um maior número de recompensas, mas com um baixo valor agregado. Ao avançar nas etapas, os prêmios são concedidos em menor quantidade. Por outro lado, tornam-se mais atraentes.

Proporcione ao funcionário a garantia de que ele será contemplado ao atingir um objetivo durante o jogo. Após conceder vantagens para aperfeiçoar a assimilação do conhecimento (dicas para fazer exercícios, vídeos educativos, etc.), podem ser concedidas algumas premiações, por exemplo:

  • alimentação personalizada na empresa;
  • fornecimento de equipamentos novos;
  • viagem para congressos;
  • viagem com a família.

Bônus por desempenho

A recomendação também é premiar os funcionários que mais se destacam nos treinamentos. Uma companhia pode adotar um ranking que apresenta os colaboradores que executaram várias atividades, como:

  • maior número de níveis atingidos;
  • mais quantidade de vídeos assistidos;
  • notas mais expressivas.

Ao término de períodos estipulados (mês, trimestre, semestre ou ano), os mais bem ranqueados ganham uma gratificação. Assim, a empresa mostra como é positivo concluir as metas durante as capacitações.

Avalie em que áreas da empresa adotar a gamificação

Com certeza, é essencial compreender como usar essa metodologia para a educação corporativa desenvolvendo jornadas de aprendizagem blended (presenciais e digitais) gamificadas. Além disso, pode-se atuar também como uma plataforma de incentivos práticos. Por isso, uma organização deve escolher as áreas adequadas para essa iniciativa alcançar bons resultados.

Para uso na Educação corporativa, envolva a equipe de Recursos Humanos, pois os profissionais do RH necessitam aprender como a gamificação pode ser aplicada e perceber como essa ferramenta pode envolver os colaboradores.

A gamificação também é bastante indicada para os times comerciais, que geralmente são bastante competitivos e gostam de participar de rankings e ser desafiados.

Pense nos benefícios proporcionados

Ao apostar na gamificação, uma companhia pode ter uma série de vantagens, como:

  • maior engajamento da equipe;
  • mais conhecimento sobre a missão, visão e valores institucionais;
  • resultados mais expressivos nos treinamentos;
  • aumento da produtividade e da eficiência.

É inegável que a tecnologia é uma grande aliada para as corporações terem uma performance de alto nível e conquistarem os consumidores. Por isso, é crucial utilizar os recursos tecnológicos para motivar a equipe e bater as metas almejadas.

Se você tem dúvidas ou bons exemplos sobre a gamificação nas empresas, deixe o seu comentário neste post. A sua contribuição é muito importante para nós!



Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×